Policial

Poder Público e forças de segurança debatem intensificação das ações da PRF no posto da BR 304 em Mossoró

Em audiência pública realizada na última sexta-feira, 12 de Abril de 2019, na Câmara Municipal de Mossoró, membros do poder público e representantes das forças de segurança das esferas municipal, estadual e federal discutiram a intensificação das atividades da base da Polícia Rodoviária Federal – PRF na BR 304 (trecho Mossoró – Fortaleza). A proposta da audiência foi iniciativa conjunta dos Legislativos de Tibau, Grossos e Mossoró.

O secretário municipal de Segurança Pública, Sócrates Vieira, representou a Prefeita Rosalba Ciarlini e colocou a Guarda Municipal e o efetivo de trânsito a disposição. “Nos colocamos a disposição para atuar em parceria com a PRF. Reforço a importância dessa audiência pública, onde temos que ter a responsabilidade de encontrar as soluções viáveis. Sabendo que a PRF também passa por limitação de recursos. E nós estamos aqui para discutir e encontrar soluções de apoio para O que for necessário na área de segurança pública”, colocou o secretário.

O superintendente da Polícia Rodoviária Federal, Idalino Pinheiro, explicou que a Delegacia da PRF de Mossoró tem a maior malha viária do Estado mas que a base do posto 2 não está abandonada. De acordo com Pinheiro, o modelo de postos fixos vem sendo substituído pelo modelo de pontos críticos. “O uso intermitente de unidades é uma realidade no Brasil. Em razão da falta de pessoal e da mudança de modelo de funcionamento. Com base no trabalho de inteligência e voltado a pontos críticos. Verificamos que nos últimos 400 dias a unidade foi aberta 264 dias”, frisou o superintendente.

Com relação ao pleito dos três municípios, Pinheiro apontou que já existe uma tratativa de ampliação do posto 2. “A PRF não vai virar as costas para região e vai dá o suporte solicitado. Eu aproveito para encaminhar como solicitação o apoio e o trabalho integrado com a Polícia Civil e Militar”, concluiu.

Presente à audiência, o Deputado Federal, Beto Rosado colocou a importância de Mossoró ser recompensada financeiramente pela instalação do presídio federal de segurança máxima, o que acarretou o aumento da criminalidade local. “O que nós escutamos aqui hoje foi o esforço da PRF com esse efetivo diminuto. Mossoró é sede de uma penitenciária Federal e não temos nenhuma compensação por termos os maiores criminosos do país habitando em nossas terras. Vamos, em conjunto,  solicitar audiência e conto com os vereadores que vão a Brasília para estar presentes e debatermos esse tema. Com a sensibilidade do diretor da PRF quanto ao assunto. Tenho convicção de que essa reunião vai surtir efeito para aumentar o efetivo da PRF na região de Mossoró, grossos e Tibau”, convocou o deputado.

Redação M 190
Comente Aqui!
COMPARTILHE!

Comentários no Facebook

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Site Protection is enabled by using WP Site Protector from Exattosoft.com
Fechar